1ª Ferrovia Estadual é um marco na história e representa o desenvolvimento para o Estado de Mato Grosso.

por Edson Moreira publicado 21/09/2021 12h49, última modificação 21/09/2021 12h49

No último ato de assinatura do contrato de adesão para a construção, implantação e exploração da 1° Ferrovia Estadual de Mato Grosso, em Lucas do Rio Verde, nesta segunda-feira (20.09), o prefeito do município, Miguel Vaz, afirmou que a chegada dos trilhos “é um marco para nossa história e estamos todos muito contentes para o que tudo isso representa: o desenvolvimento para Mato Grosso”.

Ele destacou a eficiência do Governo do Estado e pontuou que aos gestores caberá responder à altura e preparar os municípios para os investimentos e oportunidades que a ferrovia trará à região Médio Norte.

“Governador quero parabeniza-lo pela decisão corajosa de chamar para si a responsabilidade da autorização da 1ª ferrovia de Mato Grosso em tempo recorde, desde a autorização até o dia de hoje da assinatura do contrato. Isso demonstra a eficiência do seu governo. Essa decisão foi determinante para o sucesso de toda a ação desse investimento grandioso que vai beneficiar toda a região”, asseverou o prefeito.

Os atos de assinatura do contrato com a Rumo S/A também foram realizados em Cuiabá e em Nova Mutum. A construção da ferrovia prevê 730 quilômetros de linha férrea que vão interligar os municípios de Rondonópolis a Cuiabá, além de Rondonópolis com Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, e que vão se conectar à malha ferroviária nacional, em direção ao Porto de Santos (SP).

FONTE: Carol Sanford | Secom-MT

              AguaBoaNews / Cuiabá

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.